Marcando o Encontro

Marcar o encontro, fixar o quanto, o lugar, sem espanto
Rever as faces, estabelecer as bases, chegar no ponto
Está passando da hora, chegou, será agora, o nosso elo, saímos do prelo,
tudo parece lindo, o som mais forte, o feio ficou belo,
A nossa bebida será a vida, o reencontro,parece prego e martelo,
encaixe perfeito, erosão no peito, a alma pura e o cheiro de marmelo,
Será uma doçura de união, corpos em erupção, toques de mão , descalço ou de chinelo
vontade de rever, aquela história interrompida, tudo esvaziou-se em um castelo
O que nos ergue é a canção, o som e o despertar de um sonho, lindo , inacabado,
viremos a página, reforcemos o bordado, precisa de adorno , apaixonado,
Vamos marcar o encontro, hoje, amanhã , quem sabe, puro ou pecado,
Nada de adivinhar, vamos nesse embalo, deixa o pássaro levar o nosso recado
Ele é meu para você, está escrito com tinta escura, e pede: qual será o lugar delimitado?
Escute o seu coração, ele é a razão desse doce chamado....