A Sombra

loadingEra apenas um rosto,
com traços delineados,
sorriso maroto
bem marcado.
Alma de  poeta,
passava seu recado
Ele, de menino passou a ser chamado,
Linda simpatia,
tudo era magia!
De repente, a face desapareceu,
aquele poeta,  virou uma sombra,
seu rosto se perdeu,......
O mundo chorou sua volta,
as poetisas em pura revolta,
a sombra não podia continuar,
o correto era sua face voltar....
Depois de muitas súplicas, a face voltou
a sombra sumiu, o poeta ressuscitou......
voltou a enfeitar o grupo do poematiza-se
ele  se revelou,Ficou sumido,
apenas seu rosto  ausentou,
pois ele instava lindos poemas,
a paz novamente reinou......
Depois de deixar o grupo  encabulado
o poeta novamente voltou
sua foto está estampada,
com o mesmo sorriso,
continua instigando almas apaixonadas.
Poeta, gostei de sua narração
sua sombra, gerou  especulação
Agora que estás de volta,
continua a diversão.........

A terra do Amor


    SONHEI QUE FUI RAPTADO
    POR UM DISCO VOADOR
    E LEVADO PARA ARRET
    A TERRA DO AMOR
    FELIZ ESTAVA,POIS EVOLUIR É O QUE QUEREMOS
    VIVER NESSE PLANETA,MUITA VONTADE TIVEMOS
    ERA EU E MINHA SOMBRA,
    ELA TRADUZ O QUE ME ASSOMBRA
    NESSA TERRA DO AMOR,
    ÁGUA É BEM PRECIOSO,
    MAIS QUE UM DIAMANTE
    APESAR DE BELO PARA AS MULHERES,
    ELA É BEM MAIS IMPORTANTE
    NESSA TERRA ENCONTREI,
    UMA LINDA MULHER
    SULCOS NA PELE 
    DITAVA OS ANOS PERCORRIDOS
    EM CAMINHOS TORTUOSOS
    NUNCA ANTES CONHECIDO
    NESSA TERRA DO AMOR, QUERO FAZER MINHA HISTÓRIA
    DEIXAR CRAVADA MINHA DESCOBERTA EM UMA ÁRVORE DA MEMÓRIA
    ESSA MULHER TINHA BOCA AVERMELHADA
    E MADEIXAS ONDULADAS
    QUERO VIVER NESSA TERRA, AO LADO DESSA AMADA
    FAREMOS O NOSSO IMPÉRIO
    TUDO SERÁ ETÉREO
    NA TERRA DO AMOR
    O AMOR É ALGO  SÉRIO...
    NÃO SE BRINCA DE  ENGANAR
    ONDE TUDO É MISTÉRIO...
    ATÉ O JEITO DE HABITAR
    SE ALIMENTA DE ALEGRIA,
    SE VESTE DE FANTASIA
    NA TERRA DO AMOR, ESTABELECEREI MOARADIA

Morrer de Amor

Que bom morrer de amor e continuar vivendo,
Nessa busca  permaneço e vou te querendo
Por dentro sofrendo
Por fora  percebendo
A explosão do amor,
está me envolvendo!
Quero morrer de amor em seus braços,
Gosto porque gosto
gosto porque sim
gosto e aposto
que também gosta de mim..
Quero que rasgue minha fantasia,
me tome em carícias , noite e dia
atingir  o estertor apoplético de sua energia
Abrasiva, formada pela paixão
vencida pelo desejo
é bom recordar  com emoção
do nosso primeiro beijo!
Na memória está retida,
toda aquela alegria,
tudo feito sob medida,
O desejo que tenho
e de morrer em sua  companhia.........

Nasci para Amar

Quando houve a troca de oxicarbono com o meio ambiente,
nasci, virei gente.
Adquiri personalidade,
passei a respirar amor
essa foi minha verdade
Cor  vermelha de paixão,
repleta de inspiração
Não  lembro de tudo que  meu coração dizia,
mas eu rimo com a poesia!!
No caminhar desse minha existência,
senti as vibrações de um corpo em evidência
senti as mudanças de  um  eu em turbulência
Assim , caminhando rumo ao amor
nasci para ser fêmea, desabrochar uma  flor
nasci para amar e ser amada
nasci para viver apaixonada!
Nada é conceptual,
consigo mudar o textual,
ser casual,
a temporal
Nasci para o amor fatal,
fazer equação ,
mudar a razão
Vivenciar apenas as delícias do coração....

Macabra

Muito macabra todo essa aventura
causou dor e desventura,
Porque deixastes um coração apaixonado,
com suas investidas de homem arretado
Quanta ilusão criastes, quantos beijos negastes
e quanto gozo não alcançastes?
Nossa, só de pensar, da vontade de chorar.....
Macabra esse história,
assustadora
avassaladora
Fez uma mulher desesperar,
postar, comentar, e escancarar seu amor
passou ao despudor,
saiu dos limites,  perdeu sem louvor
Macabra, tenebrosa,
arrepiante, penosa,
Agora, chora
a perda dessas palavras
Ficou um vazio, parece uma angústia
transverberava de alguém,
ninguém,
Assim, teve um começo,
tudo tem o seu preço,
não devias ter iniciado
iludido, enganado
Pense, o quanto é importante
viver com os pés firmes ao chão
Deixe de soletrar , palavras em vão.....
Direcione sua busca,
não alimente emoção
Sejas fiel a sua percepção,
não gere esperança, não vivas de sensação
Só podemos sobreviver,
ás verdades desse mundão.........
Macabra essa ironia,
alguém te teve em fantasia,
nesse instante, frustou-se a empatia........

Ciúmes de Você

Só de imaginar.
outra em seu sofá
Me tomo de ciúmes
Tudo esbarra em seu lume
pareço um vagalume
Estou vagando ,
divagando.......
Fui olhar em seu mural,
passei até mal,
Tem mantido romance
 com uma mulher virtual,
Não posso alimentar
está preso na garganta,
Minha alma não canta
Dá vontade de chorar
Amor, quero ser exclusiva
senão tudo fica a deriva
Quero versos só para mim,
palavras excitantes florindo o meu jardim
Não vou dividir alegria,
essa é nossa sintonia
não posso repartir magia
Essa é  minha simpatia
Tenho ciúmes ardente,
rasgando minha alma,
ela está carente,
vê se me acalma,
Como posso dividir,
não estou preparada para fingir
que nada está me atormentando,
isso está me sufocando
amor, volte a ser legal
Chega de amor virtual,
meu ciúmes é real

Unção

Unção minha e sua
gostosa fusão
sensação de rua
Liberdade e cumplicidade
Pura tentação, sua sombra está aqui
sob   a mesa,
nunca me deixou, tenho certeza....
Sua sombra me segue, dessa maneira
Rasgando  meu interior
violentando  de forma derradeira..
Isso, me basta
apagando minha lâmpada acesa
Tenho você dentro de mim
bem no fundo,no sangue, em teias
você corre em minhas veias
Eu te amo, te sinto, vibro
toque e sutileza ,
despertando , fluindo, igual correnteza
Unção, união de sentidos
palavras e gemidos..
Unção, toque, mergulhar
tudo para esse desejo de amar
Te amo meu querido
que bom você ter percebido......



Johanna Perrone 16 de março às 14:21 Denunciar
Sua sombra está aqui sobre a mesa.
E inexplicadamente, o sol nascente
vai apagando a minha lâmpada
e não a sua sombra.
Eu sei que você está aqui.
Você nunca me deixou, nunca.
Tenho você dentro de mim,
bem no fundo, no sangue.
Você corre em minhas veias,
Você passa por meu coração,
e se purifica em meus pulmões.
Eu te amo, eu te sinto, eu te vivo.
Autor Roberto Freire.

Conversão

Quero fazer uma conversão,
mudar minha vida, encontrar outra diversão
Multiplicar minha alegria,
em nova  direção...
Ficar nessa mesmice, acaba sendo perdição......
Esvazia-se o contato com o mundo,
pessoas em sua circunscrição......
Farei a conversão,
do velho em novo,
não quero tudo de novo!
Ouvi um chamado,
mude seu povoado,
Vá habitar em outro reinado....
Estou saindo de partida,
sem peso nem medida
A conversão  foi a voz ouvida
decantada e sentida......
Não anularei minha forma de viver
agora fui perceber,
que existe coisa melhor,
há outros em meu redor,
diversos segmentos,
pontos, lugares
curtirei esse momento,
respirarei outros ares,
Abri meu caminho,
fiz a conversão,
Mudei a situação,
ela está bem perto,
chega desse deserto......

Cicatriz

Marcas indeléveis,
o tempo não apaga
cicatriz, chaga..
Triste essa marca,
marca da saudade,
que a cada instante se propaga...
Cicatriz, permiti sua entrada
Autorizei, dei concessão de uso,
agora, choro abandonada...
Triste esse casuismo
cicatriz ,abismo
Marcas que tira o rumo
abala  meu prumo
Cicatriz,está em meu viver,
enfraqueceu os sentidos
me fez me perder
Agora quero me encontrar,
resgatar o meu ser.....

Encanto no canto

Como foi sublime seu encanto,
envolvente, um recanto
de lindas fantasias,
bela sintonia....
Acontece que,
de forma despicienda, perdeu
quebrou , não trouxe a encomenda....
Seu encanto parou na estrada,
fez  reparo com chave de fenda
Que triste , seu encanto ficou no canto
de uma oferenda.....
Ofertou, saiu, recuou,
negou, parece que,.não despertou
Mas as delícias de uma noite,
você abraçou....
Bem que gostou!
Quase chegou em seu delírio profundo
meu cheiro invadiu seu mundo...
Ficou impregnado, tudo em poucos segundos....
Seu encanto ficou no canto, esquecido,
adormecido......
Está na hora de resgatar, de acordar esse amor vivido.