Tardes tardias

Tardes de tardias saudades, chegando atrasada nessa viagem, Postergada a ilusão do amor, viajando por onde for, encontrando com as recordações vivenciadas pelas reiteradas ilusões, Tardes, solidão por onde andas ? Chego a pensar que o abandono comandas, Porque está perdido? Um dia ficou investido, deixou um coração partido, Agora, tarde de saudades, permeando minhas vontades, Quero ouvir sua fala, nada embala, porque calas? Quero gritar ao mundo , o quanto és fundamental, tarde de vazio, frio , comando banal, Quero erradicar a tristeza, é bela a grandeza do sentimento, tarde, traga em seu tempo, o som da voz que me contento, Busque esse semblante, que foi arrastado com o vento, Tardes de anseio constante, és marcante, Meu amor esfuziante, Onde está agora? Desejo seu traje elegante.......