Reencontro da Família

Família de pequenos integrantes, porções pequenas de saudades, agora posteridade, Sonhos que se enlaçam docemente, reviver as lembranças do passado, é viver intensamente, Primos queridos demais, eis aqui um verso, queremos a paz,, Estamos agora reunidos, nada de encantos sofridos, apenas alegria nos refaz, Somos a esperança acesa, saímos da mesma mesa, bebemos a doçura da vida, reanimamos nossas grandezas, Primos adorados, assim são amados, Obrigada pela presença aqui, eis um sorriso, estão no desfrute do Paraíso, Isabela, pequena demais,marcante os sinais, de docilidade , fragilidade contida, mas acolhida, O amor que emana vem da mãe Tatiana, O pai Tiago, acosta os afagos de ternura, refrão de beleza, que encobre a mesa, Prima Raete, querida por ser assim, desprovida de lamentos, casada com a alegria, a alma radiante de amor,retrato da mais linda flor, Assim, irmandade grandiosa, que a bondade ostenta, somos a família em união que o tempo alimenta ,,,,,